Microsoft está desenvolvendo um dispositivo tradutor universal

Capitão Kirk, Sr. Spock e Dr. McCoy com o tradutor universal Créditos da Imagem: CBS

Capitão Kirk, Sr. Spock e Dr. McCoy com o tradutor universal Créditos da Imagem: CBS

Em Star Trek: The Original Series, vemos o Capitão Kirk utilizar um dispositivo tradutor universal para comunicar-se com a entidade alienígena “Companheira” (Segunda Temporada, Episódio 9: “Metamorfose”).

E o visionário e futurístico dispositivo está cada vez mais próximo de fazer parte de nosso dia a dia.

Uma apresentação realizada pelos pesquisadores da Microsoft Frank Soong e Rick Rashid no campus da empresa em Redmong, Washington, mostrou Rick lendo um texto em inglês, o qual foi imediatamente traduzido e narrado em voz alta, por meio de um software, em espanhol, realizando uma perfeita interpretação simultânea do texto em questão. O Diretor de Pesquisa e Estratégica da Microsoft, Craig Mundie, também participou da apresentação, tendo seu texto traduzido para o mandarim.

Até o momento, o software consegue converter um texto falado em inglês para outros 26 idiomas, e o mais incrível é que a voz de saída é a voz do próprio usuário, que precisa gravar cerca de uma hora de áudio com o software, o qual, em seguida, irá comparar as palavras gravadas com aquelas em seu banco de dados para poder reproduzi-las com a voz do usuário. O software não apenas traduz o texto, mas também procura imitar a fala humana, deixando-a o mais próximo possível de uma fala real.

Os criadores do software acreditam que ele será bastante útil para quem estiver visitando um país cujo idioma não domine, imaginando que o software possa ser instalado em um smartphone, por exemplo.

Segundo Soon, que desenvolveu o software com o auxílio de colegas da Microsoft Research Asia, segundo maior laboratório de pesquisas da empresa, localizado em Beijing, China:

“Iremos possibilitar, para um viajamente monolíngue em um país estrangeiro, reconhecimento de voz, depois, tradução, seguida pelo texto final falado em um idioma diferente, mas ainda com a sua própria voz.”

Clique aqui para acessar um audioclipe com um áudio original em inglês e suas versões em espanhol, italiano e mandarim.

Fontes: Daily Mail, Tom’s Guide, MIT Technology Review

Tags:

Poltrona Digital é um portal focado em cinema, literatura, viagens, rock and roll, comida, arte e boas ideias.

Deixe seu comentário