Crítica | Homem-Aranha: De Volta ao Lar

[embedyt] https://www.youtube.com/watch?v=x5Q0AzHr3FM[/embedyt]

O filme que o cabeça de teia merecia!

Colaboração: Andreas Pabst

Cena de "Homem-Aranha: De Volta Ao Lar" Créditos da Imagem: Marvel Studios

Cena de “Homem-Aranha: De Volta Ao Lar”
Créditos da Imagem: Marvel Studios

Que foi isso? Que filme bacana!

Faz tempo que não saio do cinema tão empolgado, tão satisfeito por ver um filme feito com tantas referências e tão bem realizado.

Defeitos? Claro que tem, não vou mencioná-los por não querer dar nenhum spoiler, mas, acredite e confie em mim, vá ao cinema e tire suas próprias conclusões.

A trama? Simples, mas nem por isso ruim, muito pelo contrário. Após os eventos de Capitão América: Guerra Civil, Peter Parker está de volta à sua realidade, em que Tony Stark não o chama para nenhuma nova “missão”, e, acredite, isso o deixa ansioso demais.

Ao mesmo tempo em que tenta lidar com questões próprias da adolescência, Peter tem que se desdobrar para se aprimorar como o Homem-Aranha e enfrentar uma nova ameaça, o Abutre.

Esqueça os filmes anteriores do Aranha, não porque sejam ruins, todos têm suas qualidades e defeitos, mas pela primeira vez eu vejo e sinto o aranha como um adolescente MESMO, descobrindo do que é capaz ao mesmo tempo em que enfrenta os dilemas típicos da idade.

E sim, Tom Holland foi a escolha perfeita e, na minha humilde opinião, é o melhor Peter Parker/ Homem-Aranha do cinema. Para quem não o conhece, recomendo o ótimo O Impossível (2012), em que o talento do ator pode ser visto em um drama baseado em acontecimentos reais.

Todo o elenco jovem está ótimo. Além de ser um ótimo filme de super herói, Homem-Aranha: De Volta ao Lar é um filme para rir e se divertir, muito bem dirigido pelo ainda pouco conhecido Jon Watts.

Destaque, também, para o ótimo Michael Keaton, dos surpreendentes Birdman (2014) e Spotlight (2015), no papel do Abutre, e das aparições pontuais de Tony Stark / Homem de Ferro (Robert Downey Junior) como mentor do aracnídeo. Uma pena foi Michael aparecer tão pouco, e termos a sensação de que ele fora mal aproveitado, sim, um deslize, mas nem por isso tiram-se os méritos do ótimo filme.

Homem-Aranha: De Volta ao Lar é um filme saído diretamente dos quadrinhos de forma genial. Tom nos entrega um Peter jovem e “real”, um verdadeiro adolescente, com suas indecisões, dúvidas, erros e acertos.

Um filme sincero, leve, descontraído, com ótimos momentos de ação e com tiradas de humor sensacionais. E as referências? Simplesmente uma enxurrada delas. E pessoal, que trilha sonora!

Um filme que vale a pena ser visto e revisto.

Sinopse

Depois de atuar ao lado dos Vingadores, chegou a hora do pequeno Peter Parker voltar para casa e para a sua vida, já não mais tão normal. Lutando diariamente contra pequenos crimes nas redondezas, ele pensa ter encontrado a missão de sua vida quando o terrível vilão Abutre surge amedrontando a cidade. O problema é que a tarefa não será tão fácil como ele imaginava.

Ficha Técnica

Título: Spider-Man: Homecoming (Original)
Ano de Produção: 2017
Direção: Jon Watts
Estreia: 6 de Julho de 2017 ( Brasil )
Duração: 133 minutos
Classificação: 12 anos
Gênero: Ação / Aventura
País de Origem: EUA

Tags:

Andreas Pabst é membro da Tolkien Society, a mais respeitada organização de estudos da obra de Tolkien no mundo, professor de inglês há mais de 10 anos e também tradutor.

Deixe seu comentário