Dupla Explosiva

Pôster de "Dupla Explosiva" Créditos da Imagem: California Filmes

Pôster de “Dupla Explosiva”
Créditos da Imagem: California Filmes

Um assassino de aluguel, um guarda-costas, muitos problemas pessoais e um julgamento internacional: DUPLA EXPLOSIVA

Colaboração: Leonel A. Lui Andreoli

A cabine de imprensa de hoje foi no Espaço Itaú, e o filme da vez, DUPLA EXPLOSIVA (Hitman’s Bodyguard).

Darius Kinkaid (Samuel L. Jackson) é um assassino de aluguel, enquanto Michael Bryce (Ryan Reinolds) é um agente de proteção executiva.

Bryce vê sua carreira destruída depois de perder um importante cliente. Por dois anos, leva uma vida medíocre, prestando serviços de guarda-costas a “peixes pequenos”. Contudo, sua vida muda completamente quando a agente Amelia Roussel (Elodie Yung), sua ex-namorada, telefona para ele, solicitando um trabalho especial.

Bryce deve proteger Kinkaid, para que este possa chegar ao Tribunal Penal Internacional, onde testemunhará contra o ditador genocida da Bielorússia, Vladslav Dukhovich (Gary Oldman), pois sua equipe da Interpol está comprometida, e ela não pode confiar em mais ninguém “de dentro”.  Contudo, Amélia não sabe que Bryce e Kinkaid têm um passado bastante atribulado entre si.

Enquanto tentam fugir dos capangas fortemente armados de Dukhovich, Bryce e Kinkaid têm de sobreviver principalmente um ao outro. As discussões são frequentes, mas quase sempre interrompidas por Ivan (Yuri Kolokolnikov), chefe dos mercenários bielorrussos.

Discussões e descobertas ao longo da história vão traçando o rumo da improvável dupla, até o desfecho final no Tribunal Penal Internacional, em Haia.

DUPLA EXPLOSIVA é uma mescla entre ação e comédia, protagonizada principalmente, mas não exclusivamente, por Bryce e Kinkaid.

Mas, além da comédia e da ação, o filme traz questões morais e éticas, mostrando como problemas e divergências pessoais devem ser colocados de lado em prol de um bem maior, exemplificado pelo fato de no decorrer da história Bryce descobre que a maior parte dos atentados contra seus clientes, que o levou à decadência, foi cometida por Kinkaid. Ainda assim, ele coloca sua vida em risco para que Kinkaid possa testemunhar em Haia e mandar um ditador genocida para a cadeia.

Além da questão de deixar problemas pessoais de lado em prol do bem coletivo, DUPLA EXPLOSIVA levanta, em diversos momentos de discussões, a questão de quem é o mocinho e o vilão da história. Kinkaid questiona se de fato ele é o vilão por matar traficantes e outras escórias da sociedade que Bryce protege.

E como bom e velho clichê de filmes e séries que envolvem CIA, FBI, Interpol e outras super agências governamentais, DUPLA EXPLOSIVA praticamente esfrega em nossas caras como o dinheiro e o poder corrompem as pessoas.

DUPLA EXPLOSIVA chega aos cinemas brasileiros dia 31 de agosto, dirigido por Patrick Hughes e distribuído por California Filmes.

Eu recomendo e quero ver as opiniões de vocês nos comentários!

Sinopse

Um guarda-costas de elite, que só trabalha para os clientes mais seletos do mundo, descobre que terá um novo cliente: um assassino de aluguel que ressurgiu das cinzas, com quem costumava se estranhar no passado. Apesar do ódio mútuo, eles terão 24 horas para viajar de Londres para a Holanda, enquanto são perseguidos pelos agentes de um ditador do Leste Europeu.

Ficha Técnica

Título: Dupla Explosiva (Original: The Hitman’s Bodyguard)
Direção: Patrick Hughes
Elenco: Ryan Reynolds, Samuel L. Jackson, Gary Oldman, Salma Hayek
Gênero: Ação
País: EUA
Ano: 2017
Lançamento: 31 de agosto de 2017

Fonte: California Filmes

Tags:

Leonel Andreoli

Leonel Andreoli é formado em Turismo e Hospitalidade pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo - FATEC. É proprietário da Anime Fair Eventos, cujo principal foco são eventos para o público nerd/geek/otaku. Seu principal projeto atualmente é o “Anime Fair Embu”, que ocorre na cidade de Embu das Artes, e vem crescendo exponencialmente a cada edição, mas vem desenvolvendo outros projetos para a cidade de São Paulo em parceria com o Portal POLTRONA DIGITAL.

Deixe seu comentário